PARQUE NACIONAL DE APARADOS DA SERRA – RS

Pega o frio coloca no bolso e põe-se a encantar seus olhos em passos lentos que te aquece no Cânion de Itaimbezinho – RS. CIMG0325 Se você estiver em Gramado – RS, reserve pelo menos um dia e, aproveite para dar uma esticada até o Parque Nacional de Aparados da Serra, que fica a cerca de 120 km de distância.

Se não estiver em Gramado, faça a mesma coisa. Vá ao Parque Nacional de Aparados da Serra. Você vai amar!!

Ele fica na divisa dos estados do Rio Grande do Sul e Santa Catarina, ocupando parte dos municípios de Cambará do Sul-RS e Praia Grande – SC. CIMG0386 Davi estava com 6 anos quando visitamos este Parque, numa viagem que fizemos sozinhos para conhecer a Serra Gaúcha.

Partimos do aeroporto de Guarulhos-SP até Porto Alegre-RS, de lá seguimos de ônibus para Gramado, local de nossa hospedagem. De Gramado saímos de carro às 07h rumo ao Parque Nacional. CIMG0340 Davi e eu caminhamos pelo fascinante Parque Nacional de Aparados da Serra em Cambará do Sul – RS das 09h às 17h, num dia frio de julho, com sol e céu azul.

Atravessamos a ponte do arroio Preá, apreciamos os penhascos, as cachoeiras, as andorinhas e a vegetação que nos inspira e expira. CIMG0284 A principal atração do Parque em Cambará do Sul é o Cânion Itaimbezinho, que pode ser avistado a partir das trilhas do Cotovelo e Vértice, que são muito fáceis de fazer. Indico até para crianças abaixo de 6 anos. CIMG0324 O movimento da nossa alegria, com olhares estonteantes, nos levou à vertigem dos pensamentos diante de paredões verticais que chegam a 700 m de altura aparados pela natureza. CIMG0298 Pela Trilha do Cotovelo de suaves 6 km, em ida e volta, apreciamos cada ângulo do Itaimbezinho. CIMG0334 Após a trilha do Cotovelo paramos no Centro de Visitantes do Parque para um descanso e piquenique saboroso.

Mas, queríamos mesmo continuar com as nossas andanças. Então, seguimos rumo a Trilha do Vértice, de nível muito fácil, com menos de 2 km de ida e volta. CIMG0344 Fomos enrolados pelos encantos da “barba de velho”, que pendurada nas árvores descia em cortinas abrindo-se aos nossos olhos de viajantes. CIMG0348 Em meio aos liquens, musgos, bromélias e muitos outros seres vivos especiais, Davi e eu nos entregamos ao mundo mágico da natureza. CIMG0356 A Trilha do Vértice nos conduzia aos cantinhos inusitados com mirantes de horizontes longínquos e felicidade estampada no rosto da criança. CIMG0362 Seguindo um pouco mais nessa trilha, com os pés e cabeça em cânions, nos deparamos com as cachoeiras das Andorinhas e do Véu da Noiva, que tem 500 m de altura e uma extensão infinita de beleza em sons, cores e imagens. CIMG0376 Gotas d’água se evaporaram desenhando nuvens no céu contempladas pelo sorriso no rosto do Davi. CIMG0375 Foi inevitável um abraço na gigante araucária com mais de 150 anos fazendo a diferença naquele caminho.

Isso me lembrou o Pablo Neruda:

“Se não puderes ser um pinheiro, no topo de uma colina, Sê um arbusto no vale, mas sê o melhor arbusto à margem do regato. Sê um ramo, se não puderes ser uma árvore. Se não puderes ser um ramo, sê um pouco de relva E dá alegria a algum caminho. Se não puderes ser uma estrada, Sê apenas uma senda, Se não puderes ser o Sol, sê uma estrela. Não é pelo tamanho que terás êxito ou fracasso… Mas sê o melhor no que quer que sejas”

CIMG0381

Sentimos a nossa pequenez diante dos detalhes do universo, que refletidos em nossos olhares, palavras e gestos fortalecem os vínculos e o desejo de ser Humano melhor. CIMG0368 Visite o Parque Nacional de Aparados da Serra e leve as crianças!

Nas trilhas que fizemos no Parque em Cambará do Sul, RS – Cânion Itaimbezinho não há necessidade de guia.

O Parque fica aberto de terça-feira a domingo, das 08h as 17h. A entrada para brasileirxs custa apenas R$7,00.

Informações detalhadas no link abaixo, que traz um guia para o visitante: http://www.icmbio.gov.br/parnaaparadosdaserra/guia-do-visitante.html CIMG0319